sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

10º jantar de Natal dos Amigos da Vela, 6 de Dezembro


Um momento marcante na história deste grupo de amigos que desde 2008 tem animado de modo ímpar a vela de cruzeiro da comunidade náutica dos mares de Leixões.
Foi o 10º jantar de Natal que este ano contou com 36 participantes em representação de 19 veleiros
Noite alegre de convívio entre amigos e família que contou com três momentos: vídeo da viagem fotográfica dos Amigos da Vela 2008 - 2017 (Francisco Alba), o vídeo com palestra da viagem do DIVA desde as terras de Sua Majestade (Paulo Lima) e o testemunho de dois amigos que partilharam a sua vivência neste grupo (José Zulmiro e Pedro Reis).
Noite feliz, amizade reforçada, paixão mais que justificada...
Viva os amigos, viva a vela e um Feliz Natal para todos!



Veleiros presentes: Athena, Anthinea, Baco, Bliss, Diva, Dragão, Freya, Horus, Le Petit Prince, Loko Motiv, Mini, Moby Dick, Mookie, Orion II, Orca, Pajim, Kikas, Koi, Xtantxico

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Percurso à vela, para recordar!



Dos amigos da vela, claro...
E hoje muitos amigos vão estar juntos no 10º Jantar de Natal (outros não poderão estar mas enviaram mensagens, obrigado!), para confraternizar e continuar este sonho partilhado da vela e do mar.
O que se leva desta vida é também a vida que criamos e vivemos...
Feliz Natal!

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

10º Jantar de Natal dos Amigos da Vela, dia 6 de Dezembro!


10ª Jantar de Natal, 2008 - 2017

programa especial...

"DIVA; viagem desde as terras de Sua Majestade"
e
"Amigos da Vela 2008-2017, viagem fotográfica"


domingo, 3 de dezembro de 2017

Segredos do Mar



Estou na terra no passado, no presente e no futuro
Para ver e ser e entender
A bússola do navegador, a criatura e o criador

Uma parte do meu coração nem me chamou e foi embora
Se mandou no mar sem fim
Não tem saudade, não tem hora pra voltar
Como se todo seu tesouro fosse estrelas de endereço
E uma velha embarcação

Uma parte do meu coração não me avisou que assim seria
Conhecer os temporais pra ter alguma calmaria
Achou por bem se entregar com a mesma força
Que o silêncio se entrega à sua casa mansidão

Eh he he iá... navegar
Pelo segredo tão sagrado desse mar
Eh he he iá... navegar
Pelo segredo tão sagrado desse mar

Uma parte do meu coração não me falou
Que é tão forte navegar em alto mar
Poder mudar a própria sorte
E resistir como se todo o seu tesouro
Fosse mesmo a parte que em meu coração se resguardou

Flávia Wenceslau

sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Ligt line



Quem visita esta página dos Amigos da Vela seguramente gosta do mar e do vento, e com estes dois "senhores" realiza os seus sonhos de modo diverso, à medida do gosto, possibilidades e capacidades. Uns na fronteira entre o mar e o ar, velejando ou voando agora nos tempos mais recentes... mas outros bem acima da linha da água como o personagem deste belíssimo vídeo, de nome Jean Baptiste Chandelier, piloto de parapente acrobático e instrutor profissional.
Alarguem a imagem, subam o som e deixem-se voar...
Bem vindos a Dezembro!

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Sailart 22



Pequeno no tamanho mas não pequeno no preço...
Transportável, design moderno, patilhão que se recolhe, montagem e desmontagem do mastro por mecanismo hidráulico, motor eléctrico... um conjunto de atributos que fazem o preço...upa upa...
enfim, um brinquedo para poucos e para uma utilização muito particular.
Mais informações: aqui

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Mapfre ganha a 2ª etapa da Volvo Ocean Race



Uma vitória sem discussão, talvez da equipa mais forte desta edição da Volvo.
Imagens fantásticas, como sempre, em Cap Town!

sábado, 25 de novembro de 2017

Sailart 20



Da minha aldeia vejo quanto da terra se pode ver no Universo...
Por isso a minha aldeia é tão grande como outra terra qualquer
Porque eu sou do tamanho do que vejo
E não do tamanho da minha altura...


Da Minha Aldeia, Alberto Caeiro

O tamanho dum veleiro não faz o tamanho do sonho...
Mas quando o primeiro é transportável, exige um orçamento mais contido, e é mais adequado a programas de navegação em determinadas águas como lagos ou costa recortada com imensas baías e ilhas como as do centro e norte da Europa, um sonho enorme pode nascer e tornar-se realidade (e uma indústria também...)
É o caso deste Sailart 20, veleiro de 6 metros, 810 kg de peso, insubmersível, mastro articulável.
Mais informações aqui:

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Windsurf



Rias galegas, um dos paraísos da vela e que atrai muitos dos amigos do Norte de Portugal...
Windsurf, a magia de velejar ou deslizar sobre a água a alta velocidade com o vento nas mãos...

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Who said man was not meant to fly?



Se a sensação de planar numa prancha de windsurf é do outro mundo...imaginem "voar" numa prancha com foil...

sábado, 18 de novembro de 2017

Trimaran MACIF , "pé a fundo" na volta ao mundo!




Depois de 11 dias 20 horas e 10 minutos de mar, François Gabart, em solitário, dobrou o primeiro dos 3 cabos à volta do mundo, o Cabo da Boa Esperança, batendo o record estabelecido pelo Banque Populaire em 2011!
E na descida do Atlântico já tinha estabelecido um novo recorde em solitário: 851 Nm em 24 horas! Não é engano...
A acompanhar!

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Lost on the Atlantic



Ou a tentativa de provar que povos primitivos foram capazes de atravessar o Atlântico muito antes dos portugueses, dos espanhóis e dos vikings...
Quem sabe?

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

terça-feira, 14 de novembro de 2017

6 de Dezembro, marcar na agenda...



Jantar de Natal e de entrada no 10º ano dos amigos da vela (10º jantar de Natal), Leça da Palmeira.
Para recordar...
http://amigosdavela.blogspot.pt/2008/12/jantar-de-natal-10-de-dezembro.html

10 de Dezembro de 2008
14 amigos de 11 veleiros (Casik, Moby Dick, Nuberu, Missó, Ana Margarida, Pnine, Swallow, Nhocos, Salpico II, Deepo e Ninas) a quase totalidade sediados na Marina de Leixões, realizaram um jantar de confraternização no passado dia 10 de Dezembro no nestaurante Nova Tendinha em Leça da Palmeira.
Em noite fria de Inverno, "navegou-se" à vista da lareira por entre um agradável repasto e mais que recomendável bebida dos deuses. No meio contaram-se histórias e novidades.
Do alegre convívio ficou a promessa de fazer crescer este grupo de amigos e de se organizar algumas iniciativas para 2009 que possibilitem o convívio entre todos e a partilha do imenso gosto pelo mar e prazer de velejar.

domingo, 12 de novembro de 2017

Clipper 2017-2018 race



Quem pretender alinhar na regata 2019-2020, já se pode inscrever!
https://www.clipperroundtheworld.com/

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Correu mal, podia ter corrido muito pior



O veleiro "entregou a alma ao criador" ficando completamente destruído. A tripulação ainda teve a sorte de ficar neste mundo tal a violência com que foram projetados contra os pilares do passadiço.
Por avaria e/ou aparente inexperiência (quem sabe o que se passou?) colocaram-se numa situação muito perigosa que poderia ter acabado em tragédia.

terça-feira, 7 de novembro de 2017

quinta-feira, 2 de novembro de 2017

Maxi Trimaran Banque Populaire IX



Um novo gigante para quebrar recordes foi colocado na água esta semana.
Reparem nos números...
32 metros de comprimento, 23 de largura, mastro com 38 metros de altura...
890 metros quadrados de vela, 50 nós...
Esperemos as primeiras imagens deste gigante a voar...

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Percurso à vela Leixões - Póvoa, encontro com o Freya!


Dia grande, este passado Sábado!
Um tempo fantástico de verão fora do tempo, um dia de vela e de confraternização de amigos da vela entre mares de Leixões e Póvoa, um dia de boas-vindas na água que se impunha ao FREYA, veleiro tradicional recuperado por nosso amigo que neste blog várias vezes citamos.
E o dia grande começou em Leixões onde uma poderosa frota de 7 naus (mais 2 representadas a bordo) se armaram para rumar a norte até às águas da Póvoa. Muitos mais amigos não se puderam juntar a esta terrível armada mas isto de compatibilizar meteorologia, agenda pessoal e licenças familiares... é coisa sempre difícil!
Dobrada a barra de Leixões, a Póvoa se anunciou lá longe a mais de 13 NM. Um dia claro, anormalmente quente para a época, com visibilidade fantástica, mar chão, sol, vento de leste fraco que tanto aparecia como desaparecia e que empurrou as elegantes naus para norte... Quando nos poços se caía, o vento de porão entrava alegremente ao serviço, pois o encontro com o FREYA a meio caminho se impunha e a hora de almoço era coisa que não se podia negociar...
O encontro prometido com o FREYA se deu pelo través da praia de Mindelo. A frota agrupou-se, as homenagens fizeram-se, aquele fantástico veleiro revelou-se ao vivo, que "coisa" bonita! Agrupados e com o vento de porão ao serviço e com o Freya no meio, se cumpriram as últimas milhas até à Marina da Póvoa onde, como sempre, fomos carinhosamente recebidos. Obrigado!
E com leste fomos à Póvoa e com leste almoçamos... no restaurante Anastacia, situado na marina. As vistas são de encantar, as águas da marina e do Atlântico logo ali, instalações agradáveis, enfim um local que sabe sempre bem revisitar. Depois de boa cerveja, boa conversa e muitos brindes, era hora de regressar a Leixões.
O vento tinha rondado para o quadrante norte mas fraco, as velas ajudaram, mas a preciosa ajuda do vento do porão foi decisiva para se chegar a Leixões por volta das 19h00 com o por do sol.
Dia grande, alma cheia... viva o mar, viva a vela, viva os amigos!
O que se leva desta vida é a vida que se leva...

Bons ventos!