domingo, 26 de fevereiro de 2017

Percurso à Vela de Fevereiro, mais um dia feliz.

Este Sábado, encontro mensal dos amigos da vela em dia de Inverno que mais parecia de Primavera.
Uma viagem até ao "fim do mundo" (boias ao largo da Praia da Madalena, a sul da barra do Douro) e regresso, num percurso de 3 horas até chegada a porto seguro onde a uma boa mesa os bravos velejadores acostaram...
Corpo e alma reconfortados, regresso à marina para os momentos finais de boa confraternização no cais e a bordo, desta vez na "sede social", Horus... A noite chegava, compromissos impunham-se, era hora de partir. Mas em Março há mais...
Viva os amigos da vela, viva a vela.

Nota: 2 últimas fotos da autoria de Rui Aragão
Nota: última foto da autoria de Rui Aragão

sábado, 25 de fevereiro de 2017

You had my heart



Depois de um dia com os Amigos da Vela, a paixão pelo mar reforça-se... e este vídeo vem sempre à memória...
Amanhã publicaremos fotos deste dia de vela, de alegria e de amizade em Leixões.
Viva a vida, viva os amigos, viva o mar.
O que se leva desta vida é a vida que se leva...

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Atravessar o Atlântico numa stand-up-paddle...



Impossível até Chris Bertish, de 42 anos, ter metido literalmente mãos à obra... (sim, que isto já não é para miudagem...).
Coragem não lhe falta, pois para surfar ondas gigantes é matéria prima que ele tem em abundância...
Está a 700 milhas de alcançar este feito único com chegada prevista à costa da Venezuela. Para já bateu o record mundial de distância em 24 horas em pleno oceano, 62 milhas náuticas...e já fez mais de 70 dias de mar desde a costa de Marrocos, Canárias e por ali fora atrás do Sol...
Obra...
Mais informações: http://standupjournal.com/news/chris-bertish-almost-home/






quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Hard Ship

Hard Ship | A Really Great Big Story from Great Big Story on Vimeo.

A Race to Alasca, 850 milhas náuticas por costas remotas e selvagens, sem motor, sem apoio, à força dos ventos e dos braços, uma  aventura enorme só para alguns heróis...
Agora imaginem a aventura de 3 aventureiros paraplégicos, sem mobilidade nas pernas.
Sobre humano...
Um vídeo fantástico.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Percurso à vela dos Amigos da Vela, próximo Sábado!

Próximo Sábado, dia 25, mais um percurso à vela, mais um dia de convívio para muitos amigos de Leixões e Douro!
Tem sido assim há 9 anos... e a fórmula parece que está para durar..
Momentos de convívio à vela no mar, no cais e à volta da mesa, onde se partilham aventuras de navegações, de bricolage...de novidades de veleiros, de histórias do mar e novos planos para futuro...
Momentos felizes, amizades reforçadas, boas vindas a recém-chegados nestas andanças.
E para participar basta aparecer...aparelhar o veleiro e largar com os demais!

Programa:
10H00 - Encontro na Marina Porto Atlântico em Leixões
11H00 - Saída da bacia do Porto de Leixões
Percurso: a combinar no local para 2 a 3 horas de navegação local
Almoço: Club Nautic Brise de la Mer...

Com imagens do último percurso à vela de Janeiro, bons ventos para os amigos da vela!




"Post" relativo a este último percurso à vela: aqui

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Race to Alaska




https://r2ak.com/
750 milhas náuticas por costas selvagens, correntes fortes, frio, sem motor, sem assistência...
Para poucos...

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Didac Costa




Ainda corre...
Deixou as imediações dos Açores rumo a França. Os primeiros, ao tempo que chegaram , já devem estar noutra seguramente...
Mas que interessa?
Dar a volta ao mundo, que vitória maior?


http://www.vg2016.com/

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Galicia




Não só as rias que nos encantam... e com as quais sonhamos até chegar o Verão...
Um interior verde, cheio de história e beleza natural, os Caminhos de Santiago...
Galiza, onde nos sentimos em casa.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Cape Horn




Mítico para todos, um sonho realizado para muitos e seguramente um pesadelo para outros ao longo de séculos de conquista.

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Hercules 2014




Para recordar, foi há 3 anos e foi uma das maiores tempestades dos últimos anos.
Imagens fantásticas das ondas gigantes contra a costa de Sagres.

domingo, 12 de fevereiro de 2017

CQS, um 100 pés cheio de modernices...



Um look futurista, porventura pouco consensual.
Um foil DSS, um prolongamento lateral do convés para suportar os brandais (que parecem umas asas), sistemas de controlo por todo o lado, enfim, 100 pés de tecnologia para andar rápido em regatas míticas como Rolex Sydney Hobart.

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Porto, European Best Destination 2017



Aí está...naturalmente...apaixonadamente...uma joia rara no panorama mundial, porta de entrada de outras joias raras: Minho, Gerês, Vale do Douro...
E se juntarmos a Galiza..., damo-nos conta que este grande noroeste peninsular foi todo criado pelos Deuses na mesma inspiração e nele deixaram os ventos do norte e as águas que o moldariam e às suas gentes ao longo do tempo... Atlântico, mares e ventos exigentes, serras que se chegam à costa, cidades e aldeias, história, cultura, gastronomia e gentes defensoras das suas tradições e com um modo de receber especial e de estar na vida...
Muitas vezes neste blog partilhamos a entrada na barra do Rio Douro e na subida até à Ribeira do Porto e Gaia realizada por muitos amigos da vela. Momentos mágicos, sempre repetidos com espanto na contemplação das margens do rio e do casario que por elas sobe. E então ao pôr do sol...
O Porto, o Norte e Portugal estão de parabéns, saibamos conservar este legado!

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2017

Como cambar a 45 nós...com ondas de 8 metros



Simples... para gente da Volvo Ocean Race, claro...
Preparação e coordenação da manobra.
Nestes veleiros e à velocidade que andam à popa, o vento criado obriga à vela grande estar quase alinhada com o eixo da embarcação como se à bolina estivesse. Mudar de bordo implica um ângulo curto, o que facilita a viragem.
Quanto à vela da proa, cuidado... tudo muito bem coordenado na passagem do vento dum lado para o outro sem se folgar a vela (não é preciso, pois folga de um lado e caça do outro) tudo sem se perder tempo e sempre com um olho para a vaga que pode entrar e tudo pode estragar...
Na teoria é tudo fácil...

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

40 dias 23 horas 30 minutos e 20 segundos



Um novo recorde mundial alcançado por IDECSport, um trimaran maxi comandado pelo navegador francês Francis Joyon e mais 5 bravos navegadores!
Dar a volta ao mundo, percorrendo 26412 milhas náuticas a uma velocidade média de 26,9 nós... é um feito expepcional e muito difícil de ser alcançado a não que a próxima geração de maxis "cheio" de "foils" passe a voar em vez de navegar...
Todas as informações sobre este notável feito: aqui

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Cabos com história


Håndslått from S Ensby on Vimeo.

Um modo ancestral de fabrico que se conserva e que fornece cabos para embarcações tradicionais, apaixonadamente conservadas e mesmo produzidas ainda por esse mundo fora.
Ao ritmo do tempo... sem as pressas da produção em massa dos cabos modernos que lhes sucederam.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Tempestade Doris



Últimos dias de sobressalto com avisos de tempestade, marinheiros e gaivotas em terra, cuidados redobrados em toda a costa. Não foi como a tempestade de 2014, mas mesmo assim deixou a sua marca.
O Inverno veio tarde, mas veio...e imagens como estas felizmente existem na cloud para partilhar!


Ondas na Foz, Porto. 2.2.2017 from Sal do Mar on Vimeo.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Tempestade no mar, cuidados em terra



Dias de tempestade.
Entre os picos do mau tempo, hora de almoço de hoje, maré em baixo, verificam-se amarras, fazem-se os devidos ajustes, dá-se uma vista de olhos aos veleiros dos amigos, ajuda-se nesta tarefa também os funcionários da marina no zelar por aquilo que nos traz tantas alegrias...
Ao longo do dia e da noite, outros amigos fazem o mesmo, todos os olhos não são demais... e até este cuidado faz parte do desporto e da paixão...
Bons ventos!

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2017

Dove II, uma história de abandono no Atlântico



No passado mês de Dezembro, a família Coombes teve que abandonar o seu veleiro de 53 pés por ter ficado sem leme. O sonho de um vida que se desfez em poucas horas, tempo entre a avaria e o abandono do veleiro.
Uma enorme onda de solidariedade se formou, ajudando esta família a recompor a sua vida e a procurar o veleiro abandonado.
Que os bons ventos regressem...com a ajuda de muitos!



https://westerlyadventures.wordpress....

domingo, 29 de janeiro de 2017

Mastro, trabalhos...

Trabalhos em altura que duram, duram...
Subir ao topo do 12 metros de mastro, colocar peça nova de fixação de antena, fixar a antena, fixar a nova giroete, desmontar armadura de fundeo, foi a parte fácil...(melhor será dizer menos difícil...)
Puxar cabos novos e guias pelos cabos existentes, foi e está a ser mais do género de passagem pelo Cabo Horn...em especial com cabos e guias se prendem sem razão no seu percurso vertical, ascendente ou descendente dentro do mastro... Depois de muitas tentativas, uma saída: era necessário olhar para as entranhas do "animal"...
Entre os amigos da vela lá se encontrou uma micro-câmara para a endoscopia... e depois de algumas espreitadelas pela saída dos cabos no mastro abaixo do convés e nas zonas das adriças e armados de arames para "mexer" nas entranhas tipo cirurgiões, lá se encontrou um presumível "criminoso", o tubo de passagem rasgado que actuava como um mordedor...(mil e uma das boas pragas marinheiras ecoaram pela marina já noite caída...).
Problema identificado e solução planeada: mais um furo de visita abaixo do convés para se fazer o desvio de cabos. Obra feita, nova tentativa, as guias subiram, perfeito...mas no fim outra prisão, possivelmente na zona da passagem pelas polies das adriças ou na fixação do estai. Mais um furo de visita no topo, mais um avanço, as guias viram a luz do dia (melhor a luz da noite...) e os trabalhos pararam para quando o S. Pedro deixar...
Algumas linhas e alguns segundos de leitura resumem 6 subidas e descidas ao topo do mastro e 3 dias de aventura...
Cabo Horn é mesmo difícil...
 


sábado, 28 de janeiro de 2017

Sailing the Mirror on a cold morning



Dinghy Mirror, um pequeno grande veleiro que entusiasma um grupo de amigos no famoso Mar da Palha, agrupados no Mirror Dinghy - Portugal, e que nos partilha muito o que pela cloud navega.
Bons ventos!

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

One Planet One Ocean de Didac Costa



"One Planet One Ocean", a embarcação com mais história desta fantástica Vendée Globe!
Tripulada pelo "ibérico" Didac Costa, este fantástico veleiro está a quase a fazer a sua 5ª volta ao mundo! Em 2000 foi tripulado pela famosa navegadora Ellen McArthur, que com 26 anos quase ganhou a Vendé Globe!
Não tem asas mas dura, dura... e ainda este fim de semana dobrou o Cabo Horn!
Didac, buena mar!

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Como se dão as boas vindas a um furacão...



Tirar tudo o que pode ficar desnecessariamente ao vento, uma boa ancoragem, e alguma coragem...
Thanks for the lesson!

domingo, 22 de janeiro de 2017

Défi wind & foils



Prazer do vento e do mar, prazer da vela, prazer da vida...
Prova fantástica, a magia dos foils que nos fazem também voar...
Festa da vela, vive la voile...

sábado, 21 de janeiro de 2017

Sem leme, fica difícil...



...em especial em condições mais "musculadas".
Ajuda é sempre bem vinda (e necessária) para regresso a bom porto.

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Armel Le Cléac´h vence a Vendée Globe!



Que final!
Dois grandes comandantes na luta directa pela vitória separados por poucas milhas depois de uma volta ao mundo numa das mais famosas regatas oceânicas.
Alex Thomson  em segundo lugar anunciado, depois de uma regata épica com avaria num dos seus foils, mas que não o impediu de bater o record na fantástica recuperação na subida do Atlântico para norte, com a maior distância percorrida em 24 horas: 537 NM (mais que ir de Lagos ao Funchal...). Obra...
Mas primeiro e num feito notável definindo um novo record da prova de 74 dias, 03 horas, 35 mn e 46 segundos..., Armel Le Cléac´h é um justo campeão! Nativo de uma região apaixonada pela vela como mais nenhuma, a Bretanha,  percorreu 27 455 milhas a uma média de... 15,43 nós...
Os restantes concorrentes, a maioria sem embarcações com asas..., ainda se encontram a muitos milhares de milhas da chegada,  e os últimos estão ainda a dobrar o Cabo Horn, como o "nuestro hermano" Didac Costa no veleiro One Planet, One Ocean.
L'appel du large...
Ver as posições dos concorrentes ainda em prova: aqui
Et "vive la voile" que esta prova fala bem francês!

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Vendée Globe, uma final emocionante!



Depois de darem a volta ao mundo e estarem separados só por algumas dezenas de milhas a 2 dias da chegada, que show!
A acompanhar!

http://www.vendeeglobe.org/en/

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

From the Sea


From The Sea from stephen yates on Vimeo.

Fotos tiradas a partir de veleiro de 18 pés com 40 anos de idade ao longo de 1100 milhas desde Cúmbria, o topo noroeste da Inglaterra, até ao topo da Escócia e Ilhas Hébridas, tem mesmo que ser excelentes! Paisagens como aquelas, em fotos registadas,  devidamente acompanhadas pela música certa como é o caso... a receita fica irresistível!

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

CAPE2RIO 2017


A grande regata que atravessa o Atlântico Sul entre África do Sul e o Brasil já quase que avista o Rio...
E de imagens... as da impressionante partida do "Lion of Africa Vulcan"!
Good winds!